Jorge Luis Borges: Ficções

Encontrei meu exemplar no prolí­fico sebo Império, ali diante do paredão da Avenida Hercílio Luz. Ele estava perdido nas prateleiras, inserido perto de um exemplar da Clarice Lispector, que eu também levei. O livrinho, cuja capa estampa pólipos, mostra-se tão impenetrável quanto eles.

Este livro compila dezessete contos onde não existe espaço para o cotidiano. As idéias do escritor argentino fogem do espectro da banalidade com um horror que parece poder ser tocado. Os textos desenvolvem-se em camadas de significado, tornando a atenção atributo indispensável para uma boa fruição.

A solidão de Ruí­nas Circulares evoca subtextos infinitos, signos diferenciados a cada vislumbre interpretativo, para um desenlace envolvente, onde o homem cria a si mesmo como um atalho para uma eternidade perversa e duvidosa.

O Jardim dos Caminhos que se Bifurcam coloca situações limítrofes de realidade com o universo onírico. O leitor pode personificar cada um dos personagens a qualquer instante, como metáforas e faces de uma mesma existência.

A Biblioteca de Babel é praticamente um koan em forma de conto, uma expansão infinita de realidades paralelas, onde os contextos se recriam constantemente. Muito fôlego é necessário para destrinchar as possibilidades grandiosas do universo de livros de Borges sem perder a visão maior da obra. Esforço semelhante é necessário em A Loteria em Babilônia, prodigioso texto sobre possibilidades.

Aproximação a Almotásim explora temas misteriosos com rigor livresco, mas não deixa de mostrar uma face, ou duas, de poesia rica, que nos leva a reler suas frases algumas vezes, até acreditarmos que aquilo foi realmente impresso, e que não se trata de um retalho de sonho, daqueles onde acordamos, e pensamos ter sido um acontecimento real em algum dia obscuro.

Ficções é um livro intrigante.

Anúncios

Sobre gilvas

Pedante e decadente, ao seu dispor.
Esse post foi publicado em Literatura e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s