A sina dos adolescentes X

Grant Morrison, mentor da atual fase dos heróis mutantes da Marvel Comics, lançou um esperto manifesto como proposta para sua passagem pelo combalido título. Ele fala de enxugar o elenco, de quebrar vícios, de modernizar visuais, acabando com aquelas cuecas por cima das roupas. E sem capas, pelamordedeus!

A missão de Morrison está sendo bem cumprida, apesar de um outro tropeço, afinal, o homem é apenas humano, e também precisa obedecer aos editores. Existe um detalhe que eu acho vital na abordagem de Morrison, e que pode estar sendo relegado durante as leituras de x-men: o motor por trás das tramas, inevitavelmente, é a incongruência irreconciliável entre humanos e mutantes, ou melhor, entre pais e filhos, entre adultos e adolescentes, no fim das contas.

Pode soar irônico estar falando de adultos e adolescentes hoje, quando o complexo de Peter Pan se mostra em dezenas de adultos que continuam se comportando como adolescentes. Essas pessoas, pretensamente adultas, que escrevem blogs, enchem a cara e vão (iam) no underground, o famoso boteco do Franck.

Todavia, o mundo idealizado de x-men deriva do mundo onde Morrison cresceu, e não necessariamente daquele onde ele vive atualmente. Eu lembro de um filme da década de oitenta, daqueles que reprisam direto na sessão da tarde, onde os pais do rapaz fugiam de casa, e iam para uma colênia de férias de pais estressados.

Este é o mundo de x-men. Os adolescentes são poderosos e diferentes, coloridos e rebeldes. Os pais são resistentes a mudanças. Existem adolescentes certinhos, que tentam fazer tudo pelo caminho dos pais, conciliando os mundos com resultados duvidosos. Mas os pais continuarão achando que ele é um adolescente mesmo.

BTW, os outros títulos da linha mutante não aprenderam nada com a revolução de Morrison, e continuam uma porcaria. O Wolverine continua penando com aqueles implantes de memória e a malhadíssima treta com o Dentes de Sabre. Outra ala dos X-men ganhou uns desenhos todos bonitões, mas com um roteirista que baba sobre os textos e morde a ponta do lápis. Outra linha tenta reciclar os mundos paralelos de Excalibur misturando com Era de Apocalipse, mas consegue apenas uma bela feijoada de goiaba. Com bichos bem grandes. Logo o Morrison se enche, de dinheiro também, e volta para a Vertigo.

BTW II, minha irmã pegou O Senhor dos Anéis na locadora, em uma horrenda cópia dublada, e a teoria do Humberto em janeiro de 2003: existe algo antilopesco entre Frodo e seu amigo Sam. Aquele final, com os dois chegando a algum lugar sinistro (cujo nome eu não lembro porque eu vi só o final do filme, quando rola aquele quebra-pau com os orcs), andando por morros desolados, trocando olhares apaixonados. Sei lá.

Anúncios

Sobre gilvas

Pedante e decadente, ao seu dispor.
Esse post foi publicado em Quadrinhos e marcado , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para A sina dos adolescentes X

  1. humberto mac disse:

    gilva.net, um amigo meu garante que no livro o babado é ainda mais evidente. Excalibur é muito chato, vc não acha? mas sempre tive uma super queda pelas histórias do X-factor. lembra dessa fase?

    tem uma saga em que eles vão parar num mundo semelhante à terra, com mutantes e os mais-que-perfeitos (casta de mutantes com aspecto absolutamente humano). gente, alguém disso? beijos, menino, estou com saudades. Da única vez que nos vimos em 3d.

  2. Walkiria disse:

    Logan… Logan… Logan…
    E eu que nem imaginei,
    Dentre recordações e sensações…
    Que um outro Logan
    Foi inspirado em tua existência…
    Ontem, coincidentemente,
    Falei de tuas charmosas costeletas…
    E quem elas me traziam a mente…
    No raiar da Lua quase cheia,
    Redescubro teu nome…
    Logan…
    Logan…
    Logan…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s