Tudo Errado

eu não.

Os dias passam, e eu fico, cada vez mais, certo de que nós não sabemos fazer nada direito.

(Onde está escrito “nós”, leia-se “humanidade” ou “orangotangos eretos de pouco pêlo”. Esta classificação excetua o Tony Ramos e mais meia dúzia de seres bizarros, mas não estamos aqui para cortejar alguma espécie de integridade conceitual, capice?)

Eu estava passando a minha roupa (sim, roupas têm a ver com a decadência da humanidade, embora há quem ache que elas tenham sido criadas para externar alguma decência), e observando aqueles símbolos divertidos que aparecem nas etiquetas.

Após uma pesquisa no, não tão vasto, espaço amostral de minhas roupas, observei que quase todas traziam o seguinte símbolo:

tradução: não lavar na máquina!

Apesar disso, eram roupas vulgares, como camisetas e calças jeans. E como tal, arremessadas, sem maiores pruridos, dentro da máquina de lavar. Sou um ogro.

Juntei A e B, e minha mente fértil chegou à conclusão de que temos mais é que pastar mesmo. Não lemos nada, não prestamos atenção em nada, e a visão de um ser humano lendo instruções em um manual só pode ser uma piada!

“Ei, sua maluca, nem pense em lavar este pretinho básico nessa devastadora de fibras de tecidos. E nem a roupa de garçom do seu marido. Se bem que o cara está mais com cara de jardineiro de cama e mesa…”

(…)

Quem ficou interessado nos símbolos que vêm nas roupas pode dar uma olhada aqui. Eu não.

Anúncios

Sobre gilvas

Pedante e decadente, ao seu dispor.
Esse post foi publicado em Filosofia de Boteco e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Tudo Errado

  1. humberto mac disse:

    o engraçado é que nada pode lavar na máquina. então pra que servem?

  2. Walkiria disse:

    Eis o porquê o setor de lavanderias comandadas por chineses, japoneses e afins não cresce e toma conta do mercado…
    Setor promissor que tem tudo para dominar o mercado, o mundo, desde que as roupas viessem com legendas explicando o que significa cada um daqueles desenhozinhos…

    Mas nem tudo está perdido !

    Fui pessoalmente conferir algumas peças da idumentária de dia-a-dia e encontrei amostras que, ao invés de desenhos, trazem as instruções por escrito das ações para cuidado das peças…

    Instruções obviamente nunca lidas e menos ainda seguidas…

    mille bacci…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s