Sérgio Machado: Cidade Baixa

Cidade Baixa entra na tela como um soco na sua cara, mas fica indeciso após o nocaute. A hora e meia que se segue trafega pelas vielas de Salvador, entre paredes descascadas de um branco esquecido entre infiltrações, insone de uma verve shakespeareana das mais básicas.

Irmão lança-se contra irmão, numa epopéia que a Lilith entende e não deseja manter, mas mantém, porque não existe fuga num país como o Brasil, onde a pobreza oprime mas não dá o golpe de misericórdia.

A curiosa mistura de decadência-sem-haver-sido-esplendor com as atrações primais para um público gringo embalsama a disputa de Naldinho e Deco pelo súcubo devastador Karinna, que se desenrola em rounds cíclicos, perfeitamente divisíveis e seqüenciais, como se fosse apresentado um balão sob o fiel da balança quase imóvel. Esta justiça duvidosa do roteirista colabora com a interpretação correta dos dois atores globais, e o resultado é do tipo que não chega a emocionar, mas também não decepciona, mantendo um nível pouco abaixo de Madame Satã, um dos meus referenciais do cinema brasileiro atual, dirigido pelo mesmo Karim Ainouz que empresta sua mão ao roteiro aqui.

Ainda que seja hormonal e violento, Cidade Baixa não possui a pretensão épica de Amarelo Manga, rodado em um ambiente semelhante, mas em Recife. Outro pequeno defeito é a saída de cena, um tanto abrupta, deixando no ar uma sensação de que poderia ter havido algo mais, mas sem nos fazer ansiar por isso; acaba soando como preguiça.

Anúncios

Sobre gilvas

Pedante e decadente, ao seu dispor.
Esse post foi publicado em Cinema Mercosul e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Sérgio Machado: Cidade Baixa

  1. Mirian disse:

    Acaso era vc ontem na Pombolândia?
    Abraço!

  2. marcelo de almeida disse:

    Nao existe fuga num pais como o Brazil onde a pobreza oprime mas nao da o golpe de miosericordia . caralho de onde voce tirou isso meu amigo perfeito nam o lula se expressaria melhor … Brincadeira lindo isso que voce escreveu um tanto quanto pesaDO MAS REAL..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s