Agiotas

Dia desses vi um anúncio de empréstimo para aposentados. Praticamente uma panacéia para os males da atualidade, conforme apregoava o rapaz bem falante na telinha da televisão de um boteco qualquer.

Ainda não sou o público-alvo destes anúncios, e devo demorar uns bons anos para me preocupar em ser achacado por esta horda infame, mas acho que ficarei velho antes de entender como podemos permitir este tipo de negócio sujo no nosso país.

Engano a mim mesmo criando a ilusão de um futuro onde os povos do mundo se unirão, e, num ímpeto de aplicação crua de ética, e banirão esta corja de agiotas e exploradores. Porém, sem violência. Pelo menos no começo. Inicialmente, eles seriam convencidos a deixarem este negócio escuso, de forma civilizada, sem ameaçar familiares ou quebrar falanges, falanginhas ou falangetas, apesar do apelo charmoso de operações típicas da máfia. Caso não funcione, consigo imaginar alguns tipos de punição para reincidência, e o mais brando deles envolve tracionamento de membros por animais de grande porte.

Mas é bobagem, delírio sem fundamento. O empréstimo para aposentados é apenas um dos fenômenos resultantes de uma sociedade injusta, munida de valores inadequados. Assim como eles, serão eternos os bingos, saídas desesperadas para as tragédias entediadas do nosso cotidiano.

O absurdo se configura imediatamente a percepção pausada do que é um bingo. Uma vez que se tenha experienciado um bingo, como imaginar que alguém possa se divertir com aquilo? É um sintoma gritante da falência dos órgãos relativos à noção no ser humano.

Tem dia em que eu penso que ninguém, no planeta azul, leu o clássico de Huxley.

Anúncios

Sobre gilvas

Pedante e decadente, ao seu dispor.
Esse post foi publicado em Filosofia de Boteco, Mau Humor e marcado , , , , . Guardar link permanente.

4 respostas para Agiotas

  1. agiota disse:

    Troco cheques. Simbólico juros de irrisórios 12%.
    ligue agora: nove nove vinte e quatro meia mole meia dura.

  2. gilvan vc é muito chato

  3. Mirian disse:

    Tens razão.
    Agiotagem, empréstimos, ilusões. A falta de grana, enfim… algo das trevas!
    beijo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s