Arquivo do mês: junho 2006

Gregg Araki: Mistérios da Carne

Mistérios da Carne é mais uma daquelas produções independentes americanas, e isso, em si, já é toda uma declaração de princípios. O cinema americano atual possui um nível de relevância equivalente ao da vida sexual de Hebe Camargo. A população … Continuar lendo

Publicado em Cinema Gringo | 5 Comentários

The Frozen Autumn: Fragments of Memories

Se fosse para descrever rapidamente a banda The Frozen Autumn, eu evocaria o Clan Of Xymox dos idos de 1985, das epifanias eletroacústicas abafadonas do primeiro álbum e de Medusa. Os vocais taciturnos carregados de efeitos soam como fantasmas se … Continuar lendo

Publicado em Eletronices | Marcado com , , , | 1 Comentário

Amos Gitai: Free Zone

Boleiros II tinha sido exatamente o que eu pensava que seria: tão despretensioso que é pouco mais do que nada, mais um pretexto para filmar um povo da geladeira do sucesso na mídia brasileira e fazer o Sócrates passar vergonha … Continuar lendo

Publicado em Cinema Oriental | Deixe um comentário

Muse: Black Holes And Revelations

A sensação que deixa a abertura de Black Holes and Revelations, quarto álbum da banda inglesa Muse, é que eles estão cagando e andando para o mundo. Reminiscente das aloprações progressivas de Origin Of Symmetry, Take a Bow até engana no … Continuar lendo

Publicado em Música | Deixe um comentário

Fragmentos de Ontem

Há tempos em que fico refratário a escrever. É como se tivesse de deixar algumas sinapses regenerarem-se depois de feridas pela intrusão da inspiração. Depois de dias assim, carrego as ataduras, busco novos fragmentos para rascunhar novos mundos. Os dias … Continuar lendo

Publicado em Música, On The Road | 6 Comentários

Ficção No. 48

Lembrava pouco de como era quando criança. Não sabia como era seu rosto. Se o via o no espelho, não conseguia deixar de ser o observador, nunca; ficava difícil ser observado se insistia sempre em ser os olhos e nunca … Continuar lendo

Publicado em Ficções | 3 Comentários

Meio Ambiente

A empresa onde trabalho certificou-se em ISO14001 no ano passado. Agora temos anúncios em murais, falando de meio-ambiente e do impacto da empresa sobre ele.

Publicado em Natureza | Marcado com , , | Deixe um comentário