Arquivo da tag: frança

Victoria Sackville-West: Santa Joana D’Arc

2017 comendo solto e ainda ouço dizerem que a terra é plana. Parece que tem até clube de goiabões que acreditam nesta sandice. Alguns gregos já tinham sacado isso e demonstrado o conceito de várias formas, sendo a mais trivial, … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Marcado com , , , , | Deixe um comentário

Michel Houellebecq: Submissão

O novo livro de Michel Houellebecq foi louvado pela sua editora como “o livro mais polêmico do ano”, onde “ano” é 2015, se é que isso é relevante. Amigos meus usaram palavras grandiosas ao se referirem a este romance. Seria … Continuar lendo

Publicado em Literatura | Marcado com , , , | Deixe um comentário

M83: Hurry Up, We’re Dreaming

Este disco duplo do M83 é um épico. Épico. Letra maiúscula. Divagações transcendentais, experimentações, temas viajantes, vocais inusitados. Os vídeos das canções falam pelo disco melhor do que eu.

Publicado em Eletronices, Música | Marcado com | Deixe um comentário

Julio Cortázar: O Perseguidor

O Perseguidor é uma história curta, um conto, de Cortázar. O escritor argentino, a partir do narrador Bruno, descreve Johnny, um saxofonista de cujo saxofone emana um jazz inovador, indescritível. Correção: Bruno, o crítico, se esforça em tentar descrever tal … Continuar lendo

Publicado em Literatura | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Coxinha de foie gras

Foie gras é um patê feito com fígado de ganso. Até aí, nada demais; muita coisa que se come é feita de partes de animais mortos.

Publicado em Bichos | Marcado com , , , , | 3 Comentários

Michel Houellebecq: Partículas Elementares

Partículas Elementares, o livro, é muito superior ao homônimo cinematográfico alemão.

Publicado em Literatura | Marcado com , , | Deixe um comentário

Gustave Flaubert: Madame Bovary

“Madame Bovary sou eu”, diz Flaubert na orelha de uma edição brasileira de seu maior romance.

Publicado em Literatura | Marcado com , , , , , | 2 Comentários