Arquivo do autor:gilvas

Sobre gilvas

Pedante e decadente, ao seu dispor.

White Lies: Friends

Harry McVeigh já profetizava na faixa de abertura do segundo disco da banda inglesa White Lies: She says ‘the only thing I’ve ever found That’s greater than it always sounds Is love’ Anúncios

Publicado em Música | Marcado com , , | Deixe um comentário

Haruki Murakami: O incolor Tsukuru Tazaki e seus anos de peregrinação

Me disseram que o Murakami tinha escrito um livro em um estilo diferente do habitual. Em vez de uma epopeia de mistério e mundos paralelos, uma jornada de descoberta e reinvenção, a resolução de um trauma de adolescência que havia … Continuar lendo

Publicado em Literatura | Marcado com , , | Deixe um comentário

Carbon Based Lifeforms: World of Sleepers

Um mundo feito de água. Navega-se sempre, todo traslado é aquático, todo caminho é singrado em embarcações pessoais coladas ao corpo como exoesqueletos responsivos. As texturas eletrônicas se sucedem sedutoras, hipnóticas em meio aos inacreditavelmente diversos tons de azul. Vozes … Continuar lendo

Publicado em Música | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Ben Myers: Inside The Muscle Museum

O fim do século é um evento que parece não ter efetivamente ocorrido naquele distante 1999. O século novo deve começar no ano zero ou no ano um? Esta dúvida pode ter feito o suspense se manter por mais um … Continuar lendo

Publicado em Literatura, Música | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Ted Chiang: História da Sua Vida e Outros Contos

A biografia da orelha do livro me conta que Ted Chiang escreve pouco. Conta também que ele começou a escrever em uma oficina de escrita, o que fica claro pela intenção variação de abordagens que estes poucos contos apresentam. A … Continuar lendo

Publicado em Literatura | Marcado com , , , | 1 Comentário

Nicholas Hagger: A Corporação

Eu gosto do inesperado, daquela surpresa que me arrebata. Boa parte do charme dos sebos está no garimpo de clássicos pessoais improváveis a custos camaradas; eu não compraria aleatoriedades por cifras dolorosas. O sebo me dá esta chance de sair … Continuar lendo

Publicado em Literatura | Marcado com , , , , | Deixe um comentário

Salman Rushdie: The Satanic Verses

É madrugada de um feriado religioso enquanto escrevo estas linhas, ocasião muito apropriada para relatar minhas impressões sobre um livro que se chama “Os Versos Satânicos”. Pode-se dizer que estou atrasado cerca de trinta anos. Foi no final dos anos … Continuar lendo

Publicado em Literatura | Marcado com , , , | 1 Comentário